Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/41727
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2018_SilviaReginaAlvarezGuedes.pdf5,19 MBAdobe PDFView/Open
Title: Contribuições para a gestão ambiental do sistema portuário brasileiro
Authors: Alvarez Guedes, Silvia Regina
Orientador(es):: Manyari, Waleska Valença
Assunto:: Sistema de Gestão Ambiental
Desempenho ambiental
Portos
Impacto ambiental
Issue Date: 16-Aug-2021
Citation: ALVAREZ GUEDES, Silvia Regina. Contribuições para a gestão ambiental do sistema portuário brasileiro.2018. 278 f., il. Tese (Doutorado em Geografia) — Universidade de Brasília, Brasília, 2018.
Abstract: A presente pesquisa visa contribuir com instrumentos e informações que possam subsidiar em modelos de gestão ambiental em portos brasileiros. A carência quanto aos procedimentos de gestão ambiental portuária se repete em praticamente todo o território brasileiro, como agravante desta situação, tem ainda a demanda nacional pela ampliação de infraestruturas que visam atingir as metas do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), as quais vêm sendo previstas por parte do Governo Federal para atender as exportações e importações dos diferentes produtos que circulam no país e no mundo. É de conhecimento que a vocação portuária na zona costeira está consagrada há vários séculos, considerando, sobretudo os vínculos que podem ser efetivados com o mercado internacional. No caso brasileiro, o porto é relevante para o comércio exterior, e aciona o incremento do volume de cargas e dos serviços associados às suas atividades, ocasionando novas perspectivas para a economia local, regional e internacional, bem como para a geração de empregos diretos e indiretos. Contudo, a inserção dos portos em regiões densamente industrializadas potencializa os impactos negativos e pode gerar conflitos para a comunidade local e degradar os recursos naturais. Assim, a gestão ambiental portuária é fundamental, como forma de articular ações e procedimentos, por meio de instrumentos que reduzam os diferentes impactos ambientais nas áreas afetadas. Os problemas ambientais em áreas portuárias são complexos, e por isso solucioná-los implica na soma de esforços de vários setores: público, privado, acadêmico, para que se encontrem novas alternativas que permitam superar os entraves administrativos, financeiros e culturais. No entanto, a gestão ambiental, ainda é pouco aplicada no sistema portuário brasileiro, considerando que as iniciativas são introvertidas no âmbito do planejamento portuário, levando até o presente momento em ações escassas e desarticuladas. Assim, a presente pesquisa apresenta contribuições para o Sistema de Gestão Ambiental Portuário ± SGAP no intuito de prever procedimentos e ações que possam ser aplicados no país, para que os portos brasileiros possam apresentar um cenário futuro com melhor desempenho ambiental nessa área. A pesquisa considerou os portos marítimos pela sua relevância no cenário nacional, com base no universo portuário do Brasil. Dentre os portos existentes foi selecionado o Estudo de Caso do Porto de Santos pela sua expressão, localização, porte e procedimentos de gestão ambiental, contudo outros portos marítimos servirão de subsídios para enriquecimento do trabalho.
Abstract: The present research aims to contribute with instruments and information that can subsidize in environmental management models in Brazilian ports. The lack of port environmental management procedures is repeated in practically the entire Brazilian territory, as an aggravating circumstance, and there is also the national demand for the expansion of infrastructures aimed at achieving the goals of the Investment Partnerships Program (PPI), being foreseen by the Federal Government to meet the exports and imports of the different products that circulate in the country and in the world. It is well known that the port's vocation in the coastal zone has been consecrated for several centuries, especially considering the links that can be made with the international market. In the Brazilian case, the port is relevant to foreign trade, and it triggers an increase in the volume of cargo and services associated with its activities, bringing new perspectives to the local, regional and international economy, as well as the generation of direct and indirect. However, the insertion of ports into densely industrialized regions increases the negative impacts and may lead to conflicts for the local community and depletion of natural resources. Thus, port environmental management is fundamental, as a way of articulating actions and procedures, through instruments that reduce the different environmental impacts in the affected areas. The environmental problems in port areas are complex, so solving them implies the sum of efforts of various sectors: public, private, academic, to find new alternatives to overcome administrative, financial and cultural obstacles. However, environmental management is still little applied in the Brazilian port system, considering that the initiatives are introverted in the scope of port planning, leading to the present moment in scarce and disjointed actions. Thus, the present research presents contributions to the Environmental Port Management System - SGAP in order to anticipate procedures and actions that can be applied in the country, so that Brazilian ports can present a future scenario with better environmental performance in this area. The research considered seaports for their relevance in the national scenario, based on the Brazilian port universe. Among the existing ports, the Case Study of the Port of Santos was selected for its expression, location, size and environmental management procedures, but other seaports will serve as a subsidy for the enrichment of work.
Description: Tese (doutorado) — Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Humanas, Departamento de Geografia, Programa de Pós-Graduação em Geografia, 2018.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:GEA - Doutorado em Geografia

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/41727/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.