Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/9884
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2011_JorgeAntonioCunhaOliveira.pdf4,67 MBAdobe PDFView/Open
Title: Proposta de avaliação e classificação da sustentabilidade ambiental de canteiros de obras. Metodologia ECO OBRA aplicada no Distrito Federal ‐ DF
Other Titles: Proposal evaluation and classification of environmental sustainability construction site, eco obra methodology applied in federal district - DF
Authors: Oliveira, Jorge Antonio da Cunha
Orientador(es):: Sposto, Rosa Maria
Blumenschein, Raquel Naves
Assunto:: Meio ambiente - critérios de avaliação
Impacto ambiental - canteiro de obras
Issue Date: 20-Jan-2012
Citation: OLIVEIRA, Jorge Antonio da Cunha. Proposta de Avaliação e Classificação da Sustentabilidade Ambiental de Canteiros de Obras. Metodologia ECO OBRA aplicada no Distrito Federal ‐ DF. 2011. xvii, 286 f. Tese(Doutorado em Estruturas e Construção Civil)-Universidade de Brasília, Brasília, 2011.
Abstract: O principal produto deste trabalho foi o desenvolvimento de uma metodologia de avaliação da sustentabilidade ambiental em canteiros de obra na fase de execução, denominado ECO OBRA. O ECO OBRA é uma ferramenta de avaliação computacional que pontua e classifica canteiros de obra em relação à sustentabilidade ambiental, apresentando soluções e estratégias que contribuam para a redução dos impactos ambientais. Para a construção e elaboração da metodologia proposta no ECO OBRA (software), foi realizado um diagnóstico ambiental das empresas construtoras, para se obter a informação necessária de como estas empresas estavam se comportando com relação à gestão ambiental. Os aspectos avaliados nesse diagnóstico foram gestão das águas, gestão de energia e gestão dos resíduos sólidos dentro do canteiro de obra. Realizado o diagnóstico ambiental, observou-se que as empresas não poderiam ser ditas como ambientalmente sustentáveis. Dessa forma, foi proposta a aplicação de um estudo piloto, em cinco canteiros de obra, onde foram coletados dados de perdas durante as etapas construtivas, também foram aplicadas algumas estratégias de redução de impactos ambientais. Estes resultados contribuíram para construção do ECO OBRA. A metodologia ECO OBRA foi elaborada com o intuito de se avaliar e classificar os canteiros de obra em relação à sustentabilidade ambiental onde: médias menores que 5,00, o canteiro classificava-se como ambientalmente inviável; médias maiores que 5,00 e menores que 7,50 - canteiro pouco sustentável; médias maiores que 7,50 e menores que 9,00 - canteiro de obra sustentável; finalmente, médias maiores que 9,00 - canteiro de obra com grau de excelência em sustentabilidade. A classificação alcançada pelos canteiros de obra, após a análise pelo software foi, em sua maioria, considerada como pouco sustentável. Dos doze canteiros de obras avaliados, nenhum canteiro foi classificado como sustentável. A metodologia ECO OBRA pode ser aplicada para qualquer tipo de edificação, além de poder ser ampliada para que seja usada na avaliação na fase de projetos, passando pelas etapas de execução e até no pós obra. O ECO OBRA é uma metodologia pioneira aplicada no Brasil, por analisar, classificar ambientalmente os canteiros de obra e propor soluções e ações de redução dos impactos ambientais. ______________________________________________________________________________ ABSTRACT
The main product of this work was to develop a methodology for evaluating environmental sustainability in construction sites in the execution phase, called ECO OBRA. The ECO OBRA is a computational assessment tool that scores and classifies construction sites in relation to environmental sustainability, providing solutions and strategies that contribute to reducing environmental impacts. For the construction and elaboration of the methodology proposed in ECO OBRA (software), we performed an environmental assessment of construction companies to obtain the necessary information on how these companies were behaving in relation to environmental management. The aspects evaluated were diagnosed in water management, energy management and solid waste management within the construction site. Conducted the environmental assessment, it was observed that the companies could not be said to be environmentally sustainable. Thus, it was proposed to implement a pilot study in five construction sites, where loss data were collected during the construction stages, were also applied some strategies to reduce environmental impacts. These results contributed to the construction of the ECO OBRA. The methodology was developed ECO OBRA in order to assess and classify the building site in relation to environmental sustainability where: averages less than 5.00, the plot is classified as environmentally feasible; averages higher than 5.00 and less than 7.50 - little plot development; averages higher than 7.50 and less than 9.00 - sustainable construction site and, finally, averages higher than 9.00 - construction site with a degree of excellence in sustainability. The classification achieved by the construction site, after analysis by the software was mostly considered as not sustainable. Of the twelve work sites evaluated, no plot was classified as sustainable. The methodology ECO OBRA can be applied to any type of building, and can be expanded to be used in the assessment phase of projects, through the stages of implementation and even after work. The ECO OBRA is a pioneering methodology applied in Brazil, analyze, classify environmentally construction sites and propose solutions and actions to reduce environmental impacts.
Description: Tese (doutorado)-Universidade de Brasília, Departamento de Engenharia Civil e Ambiental, 2011.
Appears in Collections:ENC - Doutorado em Estruturas e Construção Civil (Teses)
Teses defendidas na UnB

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/9884/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.