Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/977
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_ComunicacaoCientificaMovimentoAcesso.pdf644,69 kBAdobe PDFView/Open
Title: A comunicação científica e o movimento de acesso livre ao conhecimento
Other Titles: Scientific communication and the open access movement in scholarly publishing
Authors: Mueller, Suzana Pinheiro Machado
Assunto:: Acesso aberto à informação
Arquivo aberto
Comunicação científica de acesso livre
Publicações eletrônicas
Conhecimento científico
Issue Date: 2006
Citation: MUELLER, Suzana Pinheiro Machado. A comunicação científica e o movimento de acesso livre ao conhecimento. Ciência da Informação, Brasília, v. 35, n. 2, p. 27-38, 2006.
Abstract: Trata do problema da aceitação, pela comunidade científica, dos periódicos eletrônicos de acesso aberto. Propõe a questão da legitimação e legitimidade dessas publicações como elemento essencial para sua plena aceitação. Define legitimação e legitimidade com base em alguns autores. Mostra como a crise dos periódicos da década de 1980 detonou o início do processo de aceitação dos periódicos eletrônicos e como agora o movimento pelo acesso aberto vem crescendo e, ao mesmo tempo, enfrentando barreiras do preconceito e interesses. Nota, como grandes empecilhos ao pleno reconhecimento, o processo de avaliação pelos pares, interesses de segmentos da comunidade científica e interesses das editoras comerciais. Conclui notando o fortalecimento do conceito da necessidade da avaliação prévia e amadurecimento nas idéias pioneiras de democratização na publicação do conhecimento científico e avanço na aceitação das idéias. Mas reconhece também o papel das editoras e das elites de cada área como os poderes com maior influência na direção e velocidade do percurso das publicações eletrônicas de acesso livre e sua incorporação ao sistema de comunicação científica como canais legítimos.
Abstract: The open access movement acceptance by the scientific community has met many barriers. It is argued that understanding the processes of legitimation and legitimacy is essential to the issue. Bringing forward some definition by scholars on the subject of legitimation and legitimacy, the article tries to show how the periodical crisis of the 80’s triggered the processes of acceptance of the electronic periodical. The open access movement followed, and today it is currently trying to overcome barriers of prejudice and vested interests. It concludes by noting the strengthening of the concept of the necessity of peer review, but also the maturing of the movement, today less utopian and more realistic. It recognizes the role of the publishers and of segments of the scientific communities as the main forces in shaping scientific communication system and allowing advances of the open access channels towards legitimacy.
Appears in Collections:FCI - Artigos publicados em periódicos

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/977/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.