Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/44175
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2021_BeatrizMartinsMoura.pdf2,64 MBAdobe PDFView/Open
Title: Mulheres de Axé e o território da universidade : encruzilhando epistemologias e refundando pedagogias
Authors: Moura, Beatriz Martins
Orientador(es):: Carvalho, José Jorge de
Assunto:: Epistemologias ancestrais
Pedagogia do Ebó
Mulheres de Axé
Conhecimento tradicional
Universidades públicas
Issue Date: 11-Jul-2022
Citation: MOURA, Beatriz Martins. Mulheres de axé e o território da universidade: encruzilhando epistemologias e refundando pedagogias. 2021. 187 f., il. Tese (Doutorado em Antropologia Social) — Universidade de Brasília, Brasília, 2021.
Abstract: Esse trabalho se faz no encruzilhar dos caminhos de Mãe Dora de Oyá, Makota Kidoiale e eu. Seguindo suas narrativas e suas histórias, caminhamos juntas entre seus terreiros, respectivamente o Ilê Axé T’Ojú Labá e Manzo Ngunzo Kaiango e as universidades em que atuaram como professoras através do Projeto Encontro de Saberes, UnB e UFMG. A tese trata de como a educação se consolida enquanto um projeto coletivo de suas comunidades, liderado por elas, e que tem, no encontro com as universidades, mais um elemento importante, que permite pensar sobre as transformações que elas elaboram sobre aqueles espaços. Vamos apostar aqui em conceitos como território, pedagogia do ebó e conhecimentos insubmissos, para refletir que impactos, rupturas e novas perspectivas as mestras nos apontam nessa encruzilhada produzida a partir de seus movimentos. Considerando que os terreiros de religiões de matriz africana formam epistemicamente esse país, antes mesmo de que houvesse universidade, trazemos as mestras para a centralidade da produção analítica e intelectual desse trabalho. A costura entre suas histórias e a minha é o modo que encontramos de dar, nesse texto, o tom do que foi a construção da tese como um todo. O diálogo teórico e conceitual está centrado tanto no que é forjado por elas e pelas filosofias de terreiro, quanto pelo que nos informam autoras/es que tem pensado temas como educação, universidade, políticas afirmativas e insubmissão.
Abstract: This work is done at the encruzilhada of Mãe Dora de Oyá, Makota Kidoiale and me. Following their narratives and stories, we walked together among their terreiros, respectively Ilê Axé T’Ojú Labá e Manzo Ngunzo Kaiango and the universities where they worked as teachers through the Projeto Encontro de Saberes, UnB and UFMG. The thesis deals whith how education is consolidated as a collective project of their communities, led by them, and which has in the meeting with universities, one more important element, which allows thinking about the transformations they elaborate on those spaces. We ar going to bet here on concepts such as território, pedadogia do ebó and conhecimnetos insubmissos, to reflect what impacts, ruptures and new perspectives the teachers point us at this encruzilhada produced from their movements. Considering that the terreiros epistemically form this country, even before there was a university, we bring the teachers to the centrality of the analytical an intellectual production of this work. The dialog between their stories and mine is the way we found to give, in this text, the tone of what was the construction of the thesis as a whole. The theoretical and conceptual dialogue is centered both on what is forged by them and on the terreiros philosophies, as well as on what authors who have been thinking about topics such as education, university, affirmative polices and epistemic insubmission.
Description: Tese (doutorado) — Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Humanas, Departamento de Antropologia, Programa de Pós-graduação em Antropologia Social, 2021.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:DAN - Doutorado em Antropologia (Teses)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/44175/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.