Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/43271
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2021_AndressadeSouzaSilva.pdf1,04 MBAdobe PDFView/Open
Title: Bruxas e suas casas : a integração da sombra do feminino em Carola Saavedra e Alina Paim à luz da psicologia profunda
Authors: Silva, Andressa de Souza
Orientador(es):: Biserra, Wiliam Alves
Assunto:: Personagens literários - mulher
Bruxas
Individuação
Psicologia analítica
Literatura brasileira - história e crítica
Issue Date: 1-Apr-2022
Citation: SILVA, Andressa de Souza. Bruxas e suas casas: a integração da sombra do feminino em Carola Saavedra e Alina Paim à luz da psicologia profunda. 2021. 150 f., il. Dissertação (Mestrado em Literatura) — Universidade de Brasília, Brasília, 2021.
Abstract: Este trabalho tem como objetivo refletir sobre a integração das sombras, representadas pelas bruxas, na busca identitária do feminino na literatura brasileira cujo foco perpassa as obras Com Armas Sonolentas - um romance de formação, de Carola Saavedra (2018) e A Correnteza, de Alina Paim (1979). Para tanto, buscou-se na Psicologia Analítica de Carl Gustav Jung e de seus sucessores os conceitos de sombra, de individuação e de arquétipos, principalmente, relacionados ao universo feminino no inconsciente coletivo, tais como A grande Mãe, de Frederich Neumann, a relação entre anima e animus, do próprio Jung e o self selvagem, de Clarissa Pinkola Estés. O suporte teórico se pauta pela relação estabelecida pelo feminino entre o bem e o mal na história cultural das mulheres que se posicionam entre as deusas pagãs e as bruxas do cristianismo, bem como, se pauta pelo arcabouço teórico literário pertinente ao tema. A comparação das obras literárias, do Modernismo à contemporaneidade, se deu pela análise dos símbolos preponderantes nas obras supracitadas e pela identificação de repetição de processos psíquicos no movimento de individuação das personagens, de modo que a metodologia utilizada é qualitativa, de cunho bibliográfico, referenciando-se em teóricos tais como: Joseph Campbell, Mircea Eliade, Raissa Cavalcanti, Gilbert Durand e Roberto Sicuteri, Stuart Clark, dentre outros. Compreende-se, a partir das análises comparativas e históricas, que o símbolo da bruxa, fortemente arraigado no imaginário popular, é uma grande força transformadora que movimenta os indivíduos, conduzindo-os para o eu essencial, portanto, as bruxas são divindades necessárias para que haja a possibilidade de totalização psíquica dos indivíduos. Contudo, seja de forma mítica ou histórica, as mulheres-bruxas foram associadas ao mal, realidade criada e reatualizada pelas sombras coletivas do patriarcado; destarte, este estudo se pauta na análise das obras a partir dessa perspectiva.
Abstract: The objective of this work is reflected on shadow’s integration, represented by witches, in a vastresourceforfemaleidentityinBrazilianliterature,whoseisintegratedwiththeworksCom Armas Sonolentas-a formation novel by Carola Saavedra (2018) and A Correnteza by Alina Paim(1979).Forthispurpose,avastresourceintheanalyticalpsychologyofCarlGustavJung and his successors, the concepts of shadows, individuation and archetypes, mainly, related to thehumanfemaleuniverseincollectiveunconscious,suchasAgrandeMãe,byNeumann,and the relation between anima and animus, by Jung and the Self selvagem, by Clarissa Pinkola Estés. The mainly theoretical support is guided by the feminine between well and badly in a culturalhistoryofwomenwhichneededtoplacebetweenthepagangoddessesandthewitches of the Christianism, the relevant theorical literary framework. Literary works are compared, from Modernism to contemporaneity, it was made through the analysis of the predominant symbolsintheworksandthroughtheidentificationofrepetitionofthepsychicprocessesinthe movement of the characters, in order to the methodology used is qualitative, of a bibliographic concern, to referencing the theorists as: Joseph Campbell, Mircea Eliade, Raissa Cavalcanti, Gilbert Durand and Roberto Sicuteri, Stuart Clarkand others. It is further understandable, from the comparatives and historical analysis, that the witch symbol, strongly rooted in the popular imagination, is a great transforming force that moves the individual, guiding them to the essential self, therefore, the witches are essencial divinities for the all-total psychic of individuals. However, mythical or historical, women-witches were associated with evil, a reality created and update by the collective shadows of the patriarchy, in this way, this work is based on literary works analysis from this perspective.
Description: Dissertação (mestrado) — Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Departamento de Teoria Literária e Literaturas, Programa de Pós-Graduação em Literatura, 2021.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:TEL - Mestrado em Literatura (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/43271/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.