Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/3439
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
VANESSA JOSÉ DA ROCHA.pdf1,26 MBAdobe PDFView/Open
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorSteinberger, Marília-
dc.contributor.authorRocha, Vanessa José-
dc.date.accessioned2010-01-26T19:26:12Z-
dc.date.available2010-01-26T19:26:12Z-
dc.date.issued2006-
dc.date.submitted2006-
dc.identifier.citationROCHA, Vanessa José. Gestão ambiental no setor rodoviário brasileiro: o caso da pavimentação da BR-163 no estado do Pará. 2006. 114 f. : il. Dissertação (Mestrado em Geografia)-Universidade de Brasília, Brasília, 2006.en
dc.identifier.urihttp://repositorio.unb.br/handle/10482/3439-
dc.descriptionDissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Humanas, Departamento de Geografia, 2006.en
dc.description.abstractA presente dissertação objetivou discutir a aplicação dos instrumentos de gestão ambiental, atualmente utilizados pelo setor rodoviário, a partir de uma visão sócioambiental, utilizando o estudo de caso da pavimentação da BR-163 no estado do Pará. Para realizar o trabalho foi feito um referencial dos marcos regulatórios do setor de transporte e da questão ambiental no Brasil, bem como se recorreu ao processo histórico do planejamento no país, buscando sua interface com a evolução do rodoviarismo brasileiro. Também se buscou identificar os principais instrumentos de gestão ambiental e suas implicações no processo decisório do setor rodoviário. A compreensão do desenvolvimento e do histórico da pavimentação da BR-163 foi útil para identificar os principais impactos de uma rodovia, bem como apresentar o cenário político que envolve o processo de planejamento de construção de rodovias. Diante da confirmação da hipótese levantada quanto à falta de harmonia entre a gestão ambiental e rodoviária, foi identificada a necessidade de implantação de um SGA - Sistema de Gestão Ambiental Rodoviário que abrigasse as fases de planejamento e execução de obras rodoviárias, incluindo-se o componente territorial enquanto instrumento de gestão. Assim, foram apresentadas diferentes propostas de sistemas de gestão ambiental, cujas orientações podem ser adequadas à gestão de rodovias as quais foram inseridas dentro de um contexto territorial, dando base para que o trabalho chamou de Território Rodoviário. ________________________________________________________________________________________en
dc.language.isoPortuguêsen
dc.rightsAcesso Abertoen
dc.titleGestão ambiental no setor rodoviário brasileiro : o caso da pavimentação da BR-163 no estado do Paráen
dc.typeDissertaçãoen
dc.subject.keywordRodovias - Brasilen
dc.subject.keywordGestão ambientalen
dc.subject.keywordPavimentaçãoen
dc.location.countryBRAen
Appears in Collections:GEA - Mestrado em Geografia (Dissertações)

Show simple item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/3439/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.