Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/24786
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2017_BrunaFerreiradeMacedo.pdf812,68 kBAdobe PDFView/Open
Title: Associação entre a dor cervical e no ombro em relação ao estresse emocional em alunos de Graduação dos Cursos de Saúde da Universidade de Brasília - UnB
Authors: Macedo, Bruna Ferreira de
Orientador(es):: Zeredo, Jorge Luís Lopes
Coorientador(es):: Paz, Vera Regina Fernandes da Silva
Assunto:: Estresse
Dor - aspectos psicológicos
Universitários - comportamento
Universidade de Brasília. Faculdade de Ceilândia
Músculos - dor
Issue Date: 9-Oct-2017
Citation: MACEDO, Bruna Ferreira de. Associação entre a dor cervical e no ombro em relação ao estresse emocional em alunos de Graduação dos Cursos de Saúde da Universidade de Brasília - UnB. 2017. 29 f., il. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde)—Universidade de Brasília, Brasília, 2017.
Abstract: O estresse é um estado causado por estímulos que provocam excitação física e emocional, que ao perturbarem o equilíbrio do organismo podem gerar dores musculares na região cervical e dos ombros. A rotina acadêmica em geral é muito estressante principalmente por conta das atividades exigidas no decorrer do período letivo como provas, trabalhos, projetos, seminários, etc. Este estudo investigou as dores relacionadas ao estresse emocional e muscular na região cervical e dos ombros em estudantes dos cursos de saúde da Universidade de Brasília da Faculdade de Ceilândia. Trata-se de um estudo observacional e longitudinal, onde participaram 75 estudantes com idades entre 18 e 25 anos, no qual foram acompanhados e avaliados no início e no final do período letivo, onde supostamente os níveis de estresse estarão mais elevados. Foram utilizados os questionários semi-estruturados, o Inventário de Sintomas de Stress para Adultos de Lipp – ISSL para avaliação dos sintomas de estresse e o Diagrama de Dor Corlett e Manenica para avaliar as dores na região cervical e dos ombros. A análise estatística foi realizada através do Wilcoxon Test para comparar as variáveis de estresse na fase inicial e final do semestre. Os resultados mostraram diferenças significativas entre a amostra no início e no final do período letivo (p < 0.05) e que os estudantes em sua maioria apresentam sintomas de estresse prolongado com risco de desenvolvimento á graves problemas em sua saúde, além de frequentes dores na região cervical. O estresse excessivo causado pela intensa rotina acadêmica pode ser um fator decisivo no surgimento de dores na região cervical, comprometendo as condições de saúde física e mental dos futuros profissionais da área da saúde. Há a necessidade de propor novas alternativas no sentido de prevenção e diminuir o nível de estresse dos estudantes na sua rotina acadêmica, melhorando a sua qualidade de vida e modificando o ambiente da universidade mais saudável.
Abstract: Stress is a state caused by stimuli that provoke physical and emotional arousal, which by disturbing the balance of the organism can generate muscular pains in the neck and shoulders. The academic routine, in general, is very stressful mainly because of the activities required during the school term, such as tests, essays, projects, seminars, etc. This study investigated the pain related to emotional and muscular stress in the cervical region and shoulders in students of the health science courses of the University of Brasília, Campus of Ceilândia. It is an observational and longitudinal study, in which 75 students aged between 18 and 25 years were evaluated at the beginning and end of the school term, where the levels of stress are supposed to be higher. The semi-structured questionnaires, the Lipp-ISSL Inventory of Stress Symptoms for Adults for the evaluation of stress symptoms, and the Corlett and Manenica Pain Chart were used to assess pain in the neck and shoulders. Statistical analysis was performed by the Wilcoxon Test to compare the stress variables in the initial and final phases of the school term. The results showed significant differences between the sample at the beginning and at the end of the study period (p <0.05) and that the majority of the students present symptoms of prolonged stress with the risk of development of serious health problems, besides the frequent pain in the region cervical. The excessive stress caused by intense academic routine can be a decisive factor in the onset of pain in the cervical region, compromising the physical and mental health conditions of future health professionals. There is a need to propose new measures to decrease the stress level of students in their academic routine, improving their quality of life and creating a better university environment.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde, 2017.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:PPGCS - Mestrado em Ciências da Saúde (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/24786/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.