Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/22377
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2016_LudymilaPimentaFerreira.pdf1,24 MBAdobe PDFView/Open
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorAbbad, Gardênia da Silva-
dc.contributor.authorFerreira, Ludymilla Pimenta-
dc.date.accessioned2017-01-31T21:33:00Z-
dc.date.available2017-01-31T21:33:00Z-
dc.date.issued2017-01-31-
dc.date.submitted2016-06-03-
dc.identifier.citationFERREIRA, Ludymilla Pimenta. Impacto de um treinamento no trabalho de jovens aprendizes em situação de vulnerabilidade social. 2016. 99 f., il. Dissertação (Mestrado em Psicologia Social, do Trabalho e das Organizações)—Universidade de Brasília, Brasília, 2016.en
dc.identifier.urihttp://repositorio.unb.br/handle/10482/22377-
dc.descriptionDissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, Programa de Pós-Graduação em Psicologia Social, do Trabalho e das Organizações, 2016.en
dc.description.abstractO objetivo geral desta dissertação é avaliar o impacto do treinamento de um programa de aprendizagem do Distrito Federal no trabalho de jovens aprendizes em situação de vulnerabilidade social. Dois estudos foram realizados para cumprir os objetivos propostos. O Estudo 1 apresenta uma revisão sistemática da literatura científica nacional e internacional sobre o conceito de Vulnerabilidade Social e seus instrumentos de medida. Foram 46 artigos selecionados para análise, de 620 encontrado em buscas à periódicos de língua inglesa, portuguesa e espanhola, avaliado por pares, entre os anos de 1994 e 2014. Os resultados sugerem que Vulnerabilidade Social trata-se de um constructo multidimensional e pouco estudada em psicologia e estão, em fase incipiente, as discussões sobre instrumentos de medida no nível do indivíduo. O Estudo 2, expõe a construção e aplicação de uma escala de autoavaliação de impacto de treinamento no trabalho de 281 jovens aprendizes com idade variando entre 14 e 22 anos, residentes das Regiões Integradas de Desenvolvimento do Distrito Federal e Entorno (RIDE-DF). Os resultados mostraram estrutura empírica bifatorial que explicaram um conjunto de 21,75% da variância total das respostas numéricas dos participantes aos itens, indicando necessidade de inserção de mais itens e o aprimoramento do instrumento. Os resultados demonstram que o pré-requisito de condição econômica C2 e DE para participação do jovem no programa, as taxas de homicídio e Índice de Desenvolvimento Humano das RIDE-DF indicam a situação de vulnerabilidade social em que os participantes do atual estudo vivem, contudo, não foi observado correlação com as variáveis de impacto de treinamento. Sugere-se em futuros estudos avaliar a percepção da vulnerabilidade social vivida pelos jovens aprendizes, bem como a avaliação da VS por meio de outros indicadores.en
dc.language.isoPortuguêsen
dc.rightsAcesso Abertoen
dc.titleImpacto de um treinamento no trabalho de jovens aprendizes em situação de vulnerabilidade socialen
dc.typeDissertaçãoen
dc.subject.keywordTreinamento no trabalhoen
dc.subject.keywordVulnerabilidade socialen
dc.subject.keywordJovens - trabalhadoresen
dc.rights.licenseA concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.en
dc.identifier.doihttp://dx.doi.org/10.26512/2016.06.D.22377-
dc.description.abstract1The overall objective of this work is to evaluate the impact of professional learning training program a in the work of socially vulnerable young apprentices. Two studies were carried out to meet the proposed objectives. Study 1 presents a systematic review of national and international scientific literature on the concept of Social Vulnerability and its measuring instruments. There were 46 articles selected for analysis out of 620 found on journals in english, portuguese and spanish languages rated by peers, between the years 1994 and 2014. The results suggest that Social Vulnerability is a multidimensional construct and it is understudied in psychology and further materials are still in early stage, as well as the discussions about measuring instruments remain in the individual level. Study 2 exposes the construction and application of a self-assessment scale to evaluate the impact of the training on the work of 281 young apprentices aged between 14 and 22 years, from the brazilian Federal District area. The results showed two-factor empirical structure that explained a set of 21.75% of the total variance of the number of participants responses to the items, indicating a need for inclusion of more items and improvement of the instrument. The results demonstrate that the economic condition prerequisite C2 and DE for participation of youth in the program, homicide rates and the Human Development Index of the RIDE-DF indicate at least some level of social vulnerability situation in which the participants currently live, yet it was not observed correlation with the training impact variables. It is suggested that in future studies evaluate the perception of social vulnerability experienced by young apprentices, as well as evaluating the VS by other indicators.en
Appears in Collections:PSTO - Mestrado em Psicologia Social, do Trabalho e das Organizações (Dissertações)

Show simple item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/22377/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.