Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/16855
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2014_JulioNevesdeCarvalho.pdf559,42 kBAdobe PDFView/Open
Title: O efeito do fenômeno de suicídios coletivos na geração de renda
Authors: Carvalho, Júlio Neves de
Orientador(es):: Ellery Junior, Roberto de Goes
Assunto:: Suicídio
Índios
Anomia
Trabalhadores - China
Trabalhadores rurais - Índia
Issue Date: 12-Nov-2014
Citation: CARVALHO, Júlio Neves de. O efeito do fenômeno de suicídios coletivos na geração de renda. 2014. 84 f. Dissertação (Mestrado em Economia)—Universidade de Brasília, Brasília, 2014.
Abstract: Este trabalho tem como finalidade estabelecer a relação dos suicídios coletivos em diferentes estruturas culturais e seus efeitos no ambiente sócio econômico dessas comunidades. Na primeira parte, descrevemos a questão do suicídio em algumas de suas amplas variáveis sociais, elencando estudos realizados por teóricos, no sentido de compreender as causas desse fenômeno. Neste trabalho, também, buscamos fundamentar nossas conclusões em textos e estudos apresentados por acadêmicos e economistas, disponíveis para pesquisa em livros, além de reportagens amplamente divulgadas nas mídias e redes de comunicação. O conteúdo sobre os suicídios dos índios Guaranys Kaiowás, que foi disponibilizado pelo Conselho Indigenista da CNBB, apresentou o maior número de informações analíticas individualizadas a respeito de cada um dos suicidas dessa comunidade localizada no Mato Grosso do Sul. Não obstante o universo significativo de autores de estudos filosóficos sobre o suicídio, a Tese de Doutorado de Emile Durkheim ainda permanece como referência fundamental a qualquer estudioso do tema, sendo citado de forma recorrente nos textos e estudos elencados neste trabalho. Na sequência, citamos os recentes fenômenos de suicídios coletivos cometidos por comunidades heterogêneas em diferentes países, onde identificamos profunda semelhança na essencial motivação do ato. No primeiro grupo, os índios Guaranys Kayowás do Mato Grosso do Sul e os Tikunas da Amazônia; no segundo grupo, os jovens operários da FoxConn, empresa Taiwanesa, fabricante de equipamentos eletrônicos a serviço da Estadunidense Apple; por último, os agricultores, indianos, que foram obrigados a alterar a forma de cultivo de seu produto. Quando avaliamos a ocorrência do ato praticado individualmente, percebemos a influência de questões econômicas em um nível compartilhado. Ou seja, outros fatores se somam, provocando reações e, por vezes, mascarando a causa essencial da atitude do suicida. Quando buscamos, ao longo dos tempos, relatos de suicídios praticados em um contexto coletivo, identificamos um conjunto de circunstâncias muito mais correlacionadas com questões de cunho econômico, entendendo que isso se dá em grupos sociais onde a variável econômica é sinônimo de seus costumes e cultura. 6 Os índios Guaranys Kayowás e Tikunas, no Brasil, os operários da FoxCom, na China e os plantadores de algodão na Índia identificam e fortalecem a conclusão de que a estrutura social, por mais dessemelhante que pareça, está fortemente vinculada aos mesmos valores socioeconômicos, essenciais e atávicos. Portanto, para alguns de seus membros, o suicídio se justifica quando as tradições se rompem de forma súbita e sob o comando ou interferência imperativa de elementos exógenos. ______________________________________________________________________________ ABSTRACT
This work aims to establish the relation ship of collective suicides in different cultural structures, and their effects on the socio-economic environment of these communities. In the first part we describe the issue of suicide in some of its larger social variables, listing studies developed by theorists, in order to understand the causes of this phenomenon. In this work, additionally, we seek to support our conclusions in texts and studies presented by academics and economists, available for research in books, as well as reports widely disseminated in the media and communication networks. The specific content about the suicides of the Guaranys Kaiowas indian tribe in Mato Grosso do Sul was released by CNBB Indigenous Council, where it was identified a higher individualized content, with analytical information about each one of the suicidals of the community. Notwithstanding the significant universe of authors of philosophical studies about suicide, the Doctoral Thesis of Emile Durkheim still remains as fundamental to any student of the subject, allowing it to be recurrently mentioned in the texts and studies listed in this paper. Next, we cite the recent phenomena of collective suicides committed by heterogeneous communities in different countries, where it was identified profound similarity in the underlying motivation of the act. In the first group, the Indians Guaranys Kayowás from Mato Grosso do Sul and the Tikunas from the Amazon. In the second group, the young workers of the Taiwanese company FoxConn, an electronics manufacturer serving the american Apple. And lastly, the growers farmers from India, who were forced to change the way they cultivated their products. When we evaluate the occurrence of the act practiced individually, we realize the influence of economic factors in a shared level. That is, other factors add up, causing reactions and sometimes masking the essential cause of the suicidal's attitude. When we seek, over time, reports of suicides in a collective context, we identify a set of circumstances more correlated with issues of economic nature, understanding that this occurs in social groups where the economic variable is synonymous with their customs and culture. The Indians Guaranys Kayowás and Tikunas in Brazil, the workers of FoxConn in China and the growers farmers in India identify and strengthen the conclusion that the social structure, however dissimilar it may seem, is strongly linked to the same socio-economic values, essential and atavistic. So, for some of its members, suicide is justified when traditions 8 are suddenly broken and under the command or imperative interference of exogenous elements.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Economia, Administração, Contabilidade, Departamento de Economia, 2014.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:ECO - Mestrado em Economia (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/16855/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.