Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/11687
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2012_GracieneAraujodaSilva.pdf2,05 MBAdobe PDFView/Open
Title: Avaliação do efeito do ácido fumarprotocetrárico sobre a viabilidade e as funções de macrófagos peritoneais de camundongos da linhagem Swiss
Authors: Silva, Graciene Araujo da
Orientador(es):: Kückelhaus, Selma Aparecida Souza
Coorientador(es):: Magalhães, Kelly Grace
Assunto:: Agentes antiinfecciosos
Fagocitose
Óxido nítrico
Peróxido de hidrogênio
Issue Date: 27-Nov-2012
Citation: SILVA, Graciene Araujo da. Avaliação do efeito do ácido fumarprotocetrárico sobre a viabilidade e as funções de macrófagos peritoneais de camundongos da linhagem Swiss. 2012. viii, 65 f., il. Dissertação (Mestrado em Ciências Médicas)—Universidade de Brasília, Brasília, 2012.
Abstract: Doenças infecciosas são responsáveis por milhões de mortes em todo o mundo e o uso abusivo de antibióticos para tratamento dessas doenças tem provocado aumento da resistência aos antimicrobianos. O desenvolvimento de novas drogas faz-se necessário e os compostos extraídos de liquens são uma promissora fonte de novos medicamentos, pois têm apresentado forte ação antifúngica e antibacteriana. O ácido fumarprotocetrárico, extraído do líquen Cladonia verticilaris, mostrou ser um potente agente antimicrobiano, o que justifica o objetivo deste trabalho que foi avaliar o efeito desse ácido sobre a viabilidade e a função de macrófagos peritoneais de camundongos da linhagem Swiss em ensaios in vitro. Para o teste da viabilidade celular utilizou-se o método do MTT (3-(4,5-dimetiltiazol-2yl)-2,5-difenil brometo de tetrazolina). A produção de peróxido de hidrogênio foi avaliada pelo teste de oxidação do vermelho de fenol e a de óxido nítrico pela reação de Griess. A capacidade fagocitária foi avaliada utilizando Saccharomyces cerevisiae, sensibilizadas ou não com soro de camundongos. Os níveis das citocinas Interleucina-6 (IL-6), Interleucina-10 (IL-10), Interleucina-12 (IL-12), Interleucina-23 (IL-23), proteína quimiotáctica de monócitos (MCP-1) e fator de necrose tumoral (FNT) foram analisados nos sobrenadantes das culturas celulares por meio de ensaio imunoenzimático (ELISA – Enzyme-Linked Immunoabsorbent Assay). Todos os ensaios foram efetuados utilizando-se o ácido fumarprotocetrárico nas concentrações de 10, 50 ou 100 µg/mL e os resultados mostraram que as células permaneceram viáveis. O ácido fumarprotocetrárico, nas concentrações testadas, não interferiu com a produção de NO, IL-6, IL-10 e IL-12, mas aumentou a produção de IL-23 e inibiu a produção de MCP-1. Em uma concentração de 10 ug/mL, o ácido inibiu a produção de H2O2, mas nas concentrações de 50 ou 100 ug/mL essa produção foi estimulada. O ácido, em uma concentração de 100 ug/mL, inibiu a produção de FNT. Além dos efeitos antimicrobianos já relatados na literatura, o conjunto de resultados obtidos mostrou que o ácido fumarprotocetrárico possui efeitos imunomodulatórios, o que o torna um potencial agente para o desenvolvimento de novos medicamentos. _______________________________________________________________________________________ ABSTRACT
Infectious diseases are responsible for millions of deaths worldwide and the excessive use of antibiotics to treat these diseases has led to increased antimicrobial resistance. The development of new drugs is necessary and the compounds extracted from lichens are a promising source of new medicaments as they have presented strong antifungal and antibacterial activity. The fumarprotocetraric acid, extracted from the lichen Cladonia verticilaris, proved to be a potent antimicrobial agent, justifying the purpose of this study that was to evaluate the effect of this acid on the viability and function of peritoneal macrophages from Swiss mice lineage in in vitro tests. For the cell viability test it was used the MTT (3 – (4,5-dimethylthiazol-2yl) -2,5-diphenyl tetrazolium bromide)method. The production of hydrogen peroxide was evaluated by oxidation of phenol red and nitric oxide by Griess reaction. The phagocytic capacity was evaluated using Saccharomyces cerevisiae, sensitized or not with serum from mice. The levels of the cytokines Interleukin-6 (IL-6), Interleukin-10 (IL-10), Interleukin-12 (IL-12), Interleukin-23 (IL-23), monocyte chemotactic protein (MCP-1) and Tumor Necrosis Factor (TNF) were examined in cell culture supernatants by enzyme linked immunosorbent assay (ELISA). All assays were performed using the fumarprotocetraric acid at concentrations of 10, 50 or 100 μg/mL and the results showed that cells remained viable. The fumarprotocetraric acid did not interfere on NO, IL-6, IL-10, IL-12 production but increased IL-23 and inhibited MCP-1 production. At a concentration of 10 µg/mL the acid inhibited H2O2 production but at concentrations of 50 or 100 µg/mL this production was stimulated. The acid, at a concentration of 100 µg/mL, inhibited TNF production. In addition to the antimicrobial effects already described in the literature, the set of results obtained showed that fumarprotocetraric acid has immunomodulatory effects, which makes it a potential agent for the development of new drugs.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Medicina, Programa de Pós-Graduação em Ciências Médicas, 2012.
Appears in Collections:FMD - Mestrado em Ciências Médicas (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/11687/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.